Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Se eu fechar os olhos agora - Edney Silvestre

Paulo e Eduardo descobrem um corpo morto na beira do lago. Eles estavam ali para brincar, mas acabaram se deparando com uma cena sangrenta e macabra de assassinato. A mulher assassinada era Anita, esposa do dentista da cidade. Duas crianças de cara com a morte, com a podridão da vida. Certamente eles não seriam os mesmos depois daquilo.
Junta-se aos dois garotos o velho Ubiratan, que mora no Asilo São Simão e não tem ninguém com quem conversar ou jogar xadrez, o que o obriga a escapar diversas vezes, pulando o muro da instituição, para ver algo de interessante na cidade. De modo muito inusitado, o velho e os dois moleques entram no arriscado empreendimento de tentar descobrir quem matou Anita, mas eles não esperavam que essa morte envolveria a elite da cidade e toda a classe política econômica que comandava aquele pedaço de terra.
Escrito de forma rápida e intensa, quase como um torpedo, o livro de estreia do autor Edney Silvestre nos presenteia com vários momentos belos e catárticos…

Últimas postagens

O médico e o monstro - Robert Louis Stevenson

A força de Clay, a construção de Clay, a ponte de Clay

O dia em que esqueci a cruz

Resenha: Amber 9

Resenha: O Sol é para Todos

Resenha: O Senhor das Moscas

Resenha: A Estrada da Noite

Todos os bichos são iguais, mas alguns bichos são mais iguais que outros

Resenha: O Retrato de Dorian Gray

Resenha: A Queda